– Precisamos cuidar da nossa saúde mental e ter equilíbrio emocional, para darmos o nosso melhor aqui no trabalho, na nossa luta contra a covid-19. Todos nós somos importantes, desde o maqueiro, o vigia até os médicos. Todos nós fazemos parte da engrenagem que faz o hospital funcionar para salvar vidas. – Declarou a diretora administrativa Cíntia Meireles.

Este mês de setembro é dedicado à prevenção ao suicídio. Devido à pandemia, os vários casos são citados por psicólogos das unidades de saúde do país inteiro. Casos de pessoas que perderam emprego, que perderam alguém importante vítima da covid, e pessoas que tiveram dificuldades com o isolamento social.
A diretora executiva do Centro de Referência de Angra, Patrícia Neves, criou o projeto Cuidando de Quem Cuida, com atividades especiais para cuidar da saúde mental da equipe. Teve Roda de Conversa, palestras e música terapia. A Educação Permanente da unidade organizou várias atividades deste projeto com a colaboração da enfermeira Maria Cavalcante.

Em uma das palestras, a diretora de enfermagem Beatriz Bessa falou sobre a busca do sentido da vida dos trabalhadores de saúde, que atuam na linha de frente da Covid-19.
– “(…) Mas quando a gente aprender a lição. O mundo pode ser um melhor lugar. Com muito menos gente em depressão. O amor é a resposta pra curar (…)”. – A diretora administrativa Cíntia citou a letra da música Aprendiz, para exemplificar o aprendizado que os profissionais de saúde têm a cada dia de vitória contra a covid.